A onda de grandes empresas que apoiam o negócio de startups tem ganhado cada vez mais força, como uma forma das companhias ganharem conhecimento — e, às vezes, dinheiro. Nesta quinta-feira (28/09), uma das maiores empresas agrícolas do mundo, a Monsanto, anunciou que investirá R$ 1 milhão em uma novata brasileira. Trata-se da Tbit, que usa inteligência artificial para avaliar a qualidade de grãos. O aporte foi feito por meio do fundo BR Startups.

MÁQUINA DA STARTUP TBIT (FOTO: DIVULGAÇÃO)

A Tbit foi criada em 2008 com a tarefa de automatizar os processos de qualidade, que antes eram realizados pelas empresas com protocolos manuais ou químicos.

“Nós otimizamos em até 80% o processo de análise de qualidade e, com isso, reduzimos em 20% a devolução de lotes. Nós trazemos uma confiabilidade que até então não existia”, diz Igor Chalfoun, CEO e cofundador da empresa. “Desde a faculdade, nós [os fundadores] sempre vimos uma oportunidade no agronegócio.”

Um equipamento e um software da Tbit automatizam o processo de verificação a partir de inteligência artificial. Para fazer isso, a startup alimentou seu sistema com imagens de centenas de tipos de grãos e sementes e criou um algoritmo que aprendeu a identificar os saudáveis. A empresa tem hoje 50 clientes. Entre eles, a própria Monsanto.

“Pelo uso de inteligência artificial, a startup está transformando a metodologia de avaliação do processo de qualidade e comercialização de sementes e grãos das grandes empresas do agronegócio “, disse em comunicado Richard Zeiger, sócio da MSW Capital, que gere o fundo BR Startups.

Agora, Igor Chalfoun e seu equipe querem levar a empresa para outros países, primeiro na América Latina e, depois, para os Estados Unidos. O dinheiro do investimento vai ajudar nessa expansão comercial. Além do aporte, uma das cadeiras do conselho da empresa será ocupada por um profissional da Monsanto. A gigante se comprometeu a compartilhar conhecimentos com a pequena empresa.

Mateus Barros, líder de agricultura digital da Monsanto para a América do Sul, frisou em comunicado que a inovação é crucial para a agricultura. “A criatividade e empreendedorismo no Brasil têm uma grande oportunidade. Acreditamos que a colaboração é uma ferramenta fundamental para produzir de forma mais eficiente e este é um passo nessa direção, por isso estamos satisfeitos com essa parceria com a Tbit.”