Um dia após conquistar, em Brasília, uma nova UPA (Unidade de Pronto Atendimento) para Sumaré – desta vez na região da Área Cura –, nesta quarta-feira (21) o prefeito Luiz Dalben esteve em São Paulo, reivindicando melhorias para escolas estaduais de Sumaré. Primeiro, o prefeito esteve com o secretário chefe da Casa Civil, Samuel Moreira, e, em seguida, com o presidente da FDE (Fundação para o Desenvolvimento da Educação), João Cury.

Acompanharam o prefeito Luiz Dalben o vice Henrique Stein, o secretário de Obras, Eder Ruzza, o secretário de Projetos Estratégicos, Welington Domingos Pereira, e o vereador Dirceu Dalben.

“Viemos lutar por investimentos em prol dos nossos alunos. As escolas são estaduais, mas as crianças e adolescentes são moradores de Sumaré e merecem um local de estudo agradável, com boas condições para seu desenvolvimento e aprendizagem”, explicou o prefeito, que teve uma sinalização positiva dos responsáveis. Sobre a reforma da quadra da escola Ondina, por exemplo, Cury informou que o projeto está pronto e que a FDE está trabalhando para liberar os recursos o mais rápido possível.

NOVA UPA

Em Brasília, na terça-feira (20), o prefeito esteve com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, que firmou um compromisso com Sumaré para a construção de uma nova UPA, agora na região da Área Cura. O chefe do Executivo também reivindicou ao Governo Federal reformas e ampliações de outras três unidades de saúde, novos equipamentos e a instalação de academias ao ar livre.

“O ministro Ricardo Barros compreendeu as necessidades de Sumaré na área da Saúde e saímos de lá com a sensação de dever cumprido, com importantes conquistas para uma Saúde cada vez mais humanizada e de qualidade. Manter um bom diálogo com o Governo Federal e o Governo Estadual é imprescindível para a atração de recursos e melhorias para nossa cidade”, finalizou o prefeito.

Também estiveram em Brasília o diretor clínico da Saúde de Sumaré, doutor Abner Alberti, e a gerente administrativa da Saúde, Ana Pimentel – além do vice Henrique, do secretário Welington e do vereador Dirceu Dalben.