Pessoas usam eletrônicos diante de projeção do logo do Facebook – 29/10/2016 (Dado Ruvic/Reuters)

O Facebook foi multado nesta quinta-feira (5) em 111,7 milhões de reais por não cooperar com investigações sobre corrupção no estado do Amazonas segundo informado por procuradores federais à agência de notícias Reuters.

O empresa já havia sido multada pela Justiça brasileira em 2016 por não conceder acesso a mensagens trocadas entre suspeitos em uma investigação sobre fraude no sistema de saúde público.

[metaslider id=270]

Segundo a agência, os advogados do Facebook consideraram a multa “excessiva e desproporcional”