Nenê cita Hernanes e profetiza ano do São Paulo: “Será maravilhoso”

O meia Nenê foi apresentado como novo jogador do São Paulo nesta segunda-feira (Foto: Rubens Chiri/SPFC)

Apresentado como novo reforço do São Paulo nesta segunda-feira, Nenê admite que a responsabilidade de suprir a saída de Hernanes será grande pelas próximas duas temporadas. Apesar da pressão, o meia, inspirado no ídolo tricolor, profetizou um ano “maravilhoso” ao clube do Morumbi.

“Responsabilidade muito grande, ainda mais pela maneira como ele jogou no ano passado. Mas profetizo que será um ano maravilhoso (risos). Vou dar meu máximo para suprir e fazer o que sei de melhor. Sou experiente, isso é tranquilo, até me motiva mais”, afirmou, em coletiva de imprensa, no CT da Barra Funda.

Sorridente durante toda a entrevista, Nenê ainda brincou com a idade. “Fisicamente estou muito bem, me sinto como um garoto. Tenho 36 anos com a carcaça de 27 (risos). Claro que a responsabilidade é grande, mas gosto dessas coisas, isso me motiva muito. Procuro ver o lado positivo da coisa, o pensamento é só de ajudar, fazer o que sei de melhor e creio que isso não será problema”, assegurou.

Após 12 anos jogando no exterior por oito clubes diferentes, Nenê voltou ao futebol brasileiro em 2015, quando acertou com o Vasco. No Cruz-Maltino, marcou um total de 42 gols em 129 jogos. No ano passado, liderou a campanha do time no Campeonato Brasileiro que lhe rendeu uma vaga na Copa Libertadores de 2018. Com R$ 1,5 milhão em vencimentos atrasados, acabou aceitando a proposta do São Paulo, mas agradeceu ao Cruz-Maltino por ter lhe trazido de volta do exterior.

“Foi uma decisão que não foi fácil, porque o Vasco foi minha casa durante dois anos e meio. Sempre tive o carinho de todos lá dentro, a identificação foi muito grande, me sentia em casa. Agradeço ao Vasco por ter aberto as portas quando cheguei ao Brasil. Devo muito a eles estar aqui hoje”, conscientizou-se.

Questionado sobre o que lhe foi apresentado como projeto no São Paulo, Nenê exaltou o diretor-executivo de futebol Raí e explicou os fatores que o convenceram a trocar de clube aos 36 anos de idade.

“O Raí é um cara que é um ídolo para mim, uma referência. Contar com o apoio dele e da diretoria, essa confiança que mostraram no meu trabalho, o elenco tem possibilidade de coisas muito grandes. O projeto de mais tempo do que no Vasco, isso é importante em termos de tranquilidade de trabalho. Várias coisas, a estrutura, estou perto dos meus filhos, foram coisas que foram somando”, elucidou.

Quarto dos cinco reforços do São Paulo para a temporada, Nenê aguarda sua regularização junto ao Boletim Informativo Diário (BID) da CBF para poder estrear com a camisa tricolor. A tendência, contudo, é que isso aconteça diante do Botafogo-SP, neste sábado, no Morumbi, pelo Campeonato Paulista.

Inspirado em Kaká e Pato, Tréllez projeta concorrência no São Paulo

O atacante Tréllez foi apresentado como reforço do São Paulo nesta segunda-feira (Foto: Rubens Chiri/SPFC)

O atacante Santiago Tréllez foi apresentado como novo reforço do São Paulo na tarde desta segunda-feira, no CT da Barra Funda. Com um contrato de quatro anos, o colombiano que custou R$ 6 milhões aos cofres tricolores chega inspirado em três nomes que fizeram sucesso jogando pelo clube do Morumbi.

“Meu ídolo sempre foi o Ronaldo Fenômeno. Mas também gosto de jogadores que passaram por aqui, como Adriano, [Alexandre] Pato e Kaká. Na Colômbia, o São Paulo é um time que a gente segue muito”, afirmou o atleta de 28 anos.

Natural de Medellín, Tréllez parece mesmo conhecer, ao menos, o básico do passado recente do Tricolor. O mau momento do clube, contudo, não diminui sua motivação. “Sei que é um time que vem há muitos anos sem ganhar nada, mas gosto de desafios, a pressão não me apequena. É bom para começar a mudar a história e fazer a diferença”, ressaltou.

Revelado no Independiente Medellín-COL, Tréllez foi o destaque do Vitória no Campeonato Brasileiro de 2017. Com 11 gols em 26 jogos, ajudou o time a se manter na primeira divisão nacional. Vivendo aquele que considera o seu “melhor momento na carreira”, o colombiano se diz mais maduro e projeta a briga por uma vaga no time dirigido por Dorival Júnior.

“Time grande é assim: a concorrência é grande. Gosto de desafios, é bom para o time ter grandes jogadores”, disse, colocando-se à disposição para fazer outras funções que não a de centroavante. “Posso jogar de várias posições, pelas beiradas, mais de 9, não tem problema. O Diego também joga mais atrás. É no dia a dia do trabalho que vou ganhar meu posto no grupo. Venho com muita vontade e sei que este ano será bom para a gente”, completou.

Último dos cinco reforços confirmados para a temporada, Tréllez aguarda sua regularização junto ao Boletim Informativo Diário (BID) da CBF para poder estrear com a camisa tricolor. A tendência, contudo, é que isso aconteça diante do Botafogo-SP, neste sábado, no Morumbi, pelo Campeonato Paulista.