Consumidores que têm o hábito de manter celulares antigos devem ficar atentos a uma mudança no WhatsApp. A partir da próxima segunda-feira, isto é, o primeiro dia de 2018, o aplicativo deixará de funcionar em alguns smartphones.

WHATSAPP: qual a diferença ente um juiz do interior que bloqueio o aplicativo e um grupo de 200 pessoas que bloqueia uma cidade? / Justin Sullivan/Getty Images (Justin Sullivan/Getty Images)

Segundo o site do app, os sistemas que deixarão de ser compatíveis a partir da semana que vem são aqueles que operam nos sistemas BlackBerry OS 10 e no Windows Phone 8.0, da Microsoft.

Além disso, o WhatsApp vai deixar de funcionar no próximo ano nos dispositivos que rodam com sistema operacional Nokia S40.

A empresa de Mark Zuckerberg alega que as plataformas em questão já não têm “capacidade necessária para suportar futuras funções” do aplicativo, e que pretende concentrar seu desenvolvimento na maior fatia do mercado de smartphones.

Como menos de 1% dos usuários sendo afetados pela mudança, o conselho da plataforma a seus “órfãos” é que “adquiram um telefone Android com um sistema operacional 4.0 ou superior, Windows Phone 8.1 ou superior, ou um iPhone com iOS 7 ou superior”.

O WhatsApp é hoje o aplicativo de mensagens mais popular do mundo, totalizando, segundo a própria empresa, 1 bilhão de usuários ativos por mês. Alguns concorrentes, como o Telegram, não alcançam nem um décimo da clientela do líder.