Agüero resolve, City vence Chelsea e conquista Supercopa da Inglaterra

O Manchester City venceu nesta domingo o Chelsea por 2 a 0, no estádio de Wembley, em Londres, e conquistou pela quinta vez na história o título da Supercopa da Inglaterra, fazendo o adversário acumular cinco vices nas últimas nove temporadas na competição.

O grande nome da partida foi o atacante argentino Sergio Aguero, que balançou as redes duas vezes, aos 13 minutos de cada um dos tempos da partida. O primeiro gol teve assistência do jovem meia inglês Phil Foden, de apenas 18 anos, e o segundo do meia português Bernardo Silva.

O time do Manchester City celebra o título conquistado sobre o Chelsea. EFE/EPA/ANDY RAIN

O jogo marcou para os ‘Citizens’ a estreia do meia-atacante argelino Riyad Mahrez, recém-contratado junto ao Leicester. O reforço ficou em campo até os 23 da etapa complementar, quando deu lugar ao atacante brasileiro Gabriel Jesus.

O time comandado pelo espanhol Josep Guardiola contou com o volante Fernandinho entre os titulares. O goleiro Ederson, por sua vez, ficou no banco de reservas por 90 minutos, já que o chileno Claudio Bravo é quem atua nas copas nacionais.

O lateral-direito Danilo não foi relacionado, já que se recupera de lesão, e o meia Douglas Luiz ficou de fora da partida por ainda aguardar regularização da situação, pois precisa de autorização especial para atuar no Reino Unido.

O Chelsea, que estreou o técnico italiano Maurizio Sarri, contou com o zagueiro David Luiz e o volante naturalizado italiano Jorginho, outro que veio do Napoli nesta temporada, entre os titulares. Já o meia Willian, que se reapresentou com atraso, entrou no início do segundo tempo.

A última vez que o City havia conquistado a Supercopa da Inglaterra foi em 2012. Antes disso, levantou a taça em 1937, 1968 e 1972. Com cinco títulos, o clube se isolou como sexto maior vencedor da competição, atrás de Manchester United (21), Arsenal e Liverpool (15), Everton (9) e Tottenham (7).

O Chelsea, que segue tendo sido campeão quatro vezes, vem perdendo todas as finais que disputou desde 2009, quando bateu os Diabos Vermelhos. Em 2010, levou troco da vítima no ano anterior, em 2012 caiu diante os ‘Citizens’, e em 2015 e 2017 foi derrotado pelos ‘Gunners’.

Ficha técnica:.

Chelsea: Caballero; Azpilicueta, Rüdiger, David Luiz e Alonso; Jorginho, Fàbregas (Drinkwater) e Barkley; Pedro (Moses), Hudson-Odoi (Willian) e Morata (Abraham). Técnico: Maurizio Sarri.

Manchester City: Bravo; Walker, Stones (Gomes), Laporte (Otamendi) e Mendy; Fernandinho, Foden (Brahim) e Bernardo Silva; Mahrez (Gabriel Jesus), Sané (Gundogan) e Agüero (Kompany). Técnico: Josep Guardiola.

Gols: Agüero (2) (Manchester City).

Árbitro: Jon Moss (Inglaterra).

Estádio de Wembley, em Londres (Inglaterra).

Fonte
EFE
Mostre mais

Ronaldo dos Reis

Jornalista MTB 22991, assessor de imprensa na Acisb (Associação Comercial e Industrial de Santa Bárbara d´Oeste), radialista apresentador do Programa Ronaldo dos Reis & Você, na Rádio Luzes da Ribalta AM 1360, apresentador do Programa de TV Ronaldo dos Reis & Você no Portal www.sb24horas.com.br, Pastor e tecnólogo em Tecnologia e Marketing.

Artigos relacionados

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios