CidadesDestaqueNotícias

Americana confirma 3ª morte por H1N1 em 2018

Vítima de 57 anos era morador do bairro Jaguari. Saúde já havia confirmado os óbitos de duas mulheres de 55 e 58 anos.

A Prefeitura de Americana (SP) confirmou nesta sexta-feira (26) a terceira morte por H1N1 em 2018. A vítima é um homem de 57 anos, que era morador do bairro Jaguari.

Prefeitura confirmou o caso (Foto: César Rodrigues / AAN)

Nas regiões de Campinas (SP) e Piracicaba (SP) são 47 mortes neste ano. De acordo com a Prefeitura, a vítima do H1N1 estava internada no Hospital Municipal “Doutor Waldemar Tebaldi” desde o dia 14 de julho com a Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC). A morte dele ocorreu no dia 16 de outubro.

A Vigilância Epidemiológica não conseguiu confirmar se ele havia sido imunizado antes de adoecer. A Secretaria de Saúde sabia que o caso era positivo desde agosto, e acompanhava a evolução do caso.

Americana tem 16 casos confirmados da doença e três mortes, segundo a Secretaria de Saúde.

A Secretaria de Saúde do município já havia informado que uma das vítimas do H1N1 é uma mulher de 58 anos, moradora do Parque Gramado. Ela faleceu no dia 15 de junho.

A outra paciente, de 55 anos, morava no Jardim São Pedro. Ela apresentava doença pulmonar crônica e ficou internada no Hospital São Francisco até morrer no dia 9 de junho.

Fonte
A de I/Americana.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fechar
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios