CidadesDestaqueNotícias

Um parecer contrário é rejeitado pelos vereadores barbarenses

Os vereadores barbarenses rejeitaram um parecer contrário da Comissão Permanente de Justiça e Redação e aprovaram 12 moções, nesta terça-feira (16), durante a 14ª Reunião Ordinária do ano

Os vereadores barbarenses rejeitaram um parecer contrário da Comissão Permanente de Justiça e Redação e aprovaram 12 moções, nesta terça-feira (16), durante a 14ª Reunião Ordinária do ano, realizada no Plenário Dr. Tancredo Neves.

A votação do Projeto de Lei nº 15/2019, de autoria do Poder Executivo, que altera disposições da Lei Municipal nº 4.067/2018, foi adiada a pedido do vereador José Antonio Ferreira, o Dr. José (PSDB), pelo prazo regimental de 10 dias. Na prática, a proposta institui e disciplina, no âmbito do Município, o licenciamento ambiental de empreendimentos e atividades de impacto ambiental local.

Em seguida, foi rejeitado o parecer contrário da Comissão Permanente de Justiça e Redação ao Projeto de Lei nº 11/2019, de autoria do vereador Dr. José, que dispõe sobre a implantação de dispositivo chamado Boca de Lobo Inteligente.

Moção – O vereador Edmilson Ignácio Rocha, o Dr. Edmilson (PPS), entregou, em mãos, durante esta reunião camarária, a Moção de Aplauso nº 284/2019 à atleta Karoline Rodrigues Pimentel pelo primeiro lugar no Campeonato Paulista de Karatê Geral da FPKI (Federação Paulista de Karatê Interestilos), no dia 24 de março, em Itapecerica da Serra (SP).

O vereador Marcos Rosado (PR) entregou a Moção de Aplauso nº 274/2019 ao ciclista Rodrigo Laizo pela conquista do 2º lugar no 24Horas Brasil Ride de Mountain Bike, realizado no mês passado, em Botucatu (SP).

Tribuna – A sessão camarária foi interrompida para que os vereadores se reunissem com Dinho do Braz e Luís da Glorinha, prefeito e vice-prefeito, respectivamente, da cidade mineira de Santo Antônio do Monte, que se sentiram ofendidos por declarações feitas pelo vereador Celso Ávila (PV) durante entrevista em programa de rádio a respeito do Projeto de Lei nº 13/2019, aprovado na sessão do dia 09 de abril, que proíbe o manuseio, a utilização, a queima e a soltura de artefatos pirotécnicos de efeito sonoro ruidoso no Município. Após a reunião, Braz fez uso da Tribuna Livre para falar sobre a vinda a Santa Bárbara d’Oeste e o contato com as autoridades do Município.

Fonte
A de I/Câmara/SBO.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cresta WhatsApp Chat
Send via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios