10 Reflexões sobre 2020 para Empreendedores iniciarem 2021 melhor

Desejo um excelente 2021 a você e a sua família, com muita saúde e realizações, além de muito sucesso em seus negócios.

O ano de 2020 foi extremamente desafiador para todos, especialmente para você, empreendedor ou empreendedora, que precisou ter muita inteligência emocional para superar os obstáculos gerados pela pandemia, mas que ao mesmo tempo provocou muitas reflexões.

Conheça abaixo algumas reflexões e aprendizados que muitos empreendedores tiveram. Vale ressaltar aqui que nenhuma delas é motivo de vergonha, afinal, se o negócio estava dando certo era porque você estava acertando muito mais do que errando.

Parabéns por ter feito o seu melhor na condição que tinha, enquanto você não tinha condições ideais para fazer o seu melhor. O seu EU de 2021 já lhe agradece antecipadamente tudo o que fez em 2020, você está na sua melhor versão.

1) Zona de Desconforto

Possivelmente seu maior desafio na pandemia. Do dia para noite restringiram seus canais de vendas presenciais e deixaram seus clientes apreensivos para gastar. Mas nesse momento você reaprendeu o que é ser EMPREENDEDOR. Entendeu que se não dá pra ganhar dinheiro com a empresa atual, era o momento de remodelar o negócio ou explorar outras oportunidades.

2) Marketing Digital

E o que falar do marketing digital, algo que parecia tão futurístico e inalcançável para pequenas empresas? Mas você refletiu e comprovou que o digital é essencial, já que ele abre um mundo de oportunidades para se relacionar com os clientes e ampliar seus canais de vendas.

3) Fardos da Liderança

Você teve o fardo de demitir, suspender contratos e/ou reduzir salários na sua equipe. A dor deste fardo lhe fez lembrar que você é humano. O aperto no coração te mostra que você construiu não só uma equipe, mas uma família, e dói cortar da própria carne. Mas você refletiu e lembrou que é empreendedor, então compreendeu que faz parte tomar decisões difíceis e conviver com elas.

4) Concorrentes, mas não inimigos

Você presenciou muitos concorrentes e amigos fechando seus negócios, porém viu também muitos deles se unindo para enfrentar os desafios juntos. Aqui você refletiu que ser concorrente não é ser inimigo, mas sim parceiros de negócios e que, juntos, são muito mais fortes.

5) Não colocar todos os ovos em uma única cesta

A maior parte da sua receita advinha de poucos clientes e eles também foram impactados pela crise, então reduziram as compras e solicitaram renegociar antigas e novas aquisições. Aqui você refletiu sobre a importância de saber negociar e, principalmente, a importância de diversificar a carteira de clientes e também de, na medida do possível, variar investimentos.

6) Lucro x Pró-labore

Você possivelmente refletiu sobre a importância de separar pró-labore e lucro, sendo que este último deve ser utilizado para reinvestir no negócio, além de servir para te ajudar a passar por períodos difíceis.

7) Carteira de Clientes

Você não tinha o hábito de cadastrar os seus clientes e a maioria deles sumiu no início da pandemia. Sua reflexão sobre a importância de não apenas cadastrá-los, mas de investir em relacionamento e fidelização foi fundamental.

8) Sistema de Gestão

Você não tinha um sistema de gestão eficiente para controlar e gerir as finanças da empresa, além de mitigar “ralos” que fazem sumir seu dinheiro. Refletir sobre o quanto um sistema de gestão pode ajudar não somente a controlar o negócio, mas como ele lhe permite tomar decisões estratégicas a partir de dados, sem achismos, mudou a vida do seu pequeno negócio.

9) Fim de um ciclo

Ter que fechar seu negócio foi quase como fazer o funeral ou enterro de um ente querido. Isso expôs suas fragilidades e falta de controle sobre tudo, o que te fez refletir que você não é o super homem ou a mulher maravilha, mas que recomeços são possíveis e uma derrota não precisa ser um ponto final, mas apenas uma vírgula da sua jornada empreendedora.

10) “Mar tranquilo não forma bom Marinheiro”

Agora, minha própria reflexão e que levo como mantra: “mar tranquilo não forma bom marinheiro”. Com certeza o ano de 2020 foi extremamente difícil por inúmeros motivos gerados pela pandemia, mas, tenho certeza que foi um dos anos que mais nos desenvolvemos.

Possivelmente, você descobriu ser capaz de fazer coisas que nem imaginava; que você e sua empresa hoje estão mais calejados para enfrentarem novos desafios e, por fim, que as pedras no caminho de 2020 sirvam para a escala do seu sucesso e do seu negócio.

Desejo um excelente 2021 a você e a sua família, com muita saúde e realizações, além de muito sucesso em seus negócios. Grande abraço!

Fonte: Rafael Souza – Consultor de Negócios e Palestrante do Sebrae-SP no Escritório Regional de São José dos Campos, Empreteco, Agente Local de Inovação, formado em TI, especialista em Gestão de Pessoas e em Gestão Estratégica de Negócios.

%d blogueiros gostam disto: