Prefeitos da RMC aprovam barreiras sanitárias

O objetivo é abordar e orientar as pessoas, além de aferir a temperatura.

Os prefeitos da da RMC (Região Metropolitana de Campinas) decidiram, nesta quarta-feira (24), que os municípios que formam o bloco regional irão adotar, em conjunto, barreiras sanitárias para tentar reduzir a circulação de pessoas nas cidades durante a fase emergencial do Plano São Paulo de combate à pandemia de coronavírus no Estado. A medida foi aprovada por unanimidade e valerá entre os dias 26 (próxima sexta-feira) e 4 de abril, período que coincide com o megaferiado decretado pelo Município de São Paulo. 

A decisão foi tomada em reunião virtual do Conselho de Desenvolvimento do bloco regional com participação da Agemcamp (Agência Metropolitana de Campinas), que tem como diretor-executivo , Benjamim Bill Vieira de Souza. O objetivo é abordar e orientar as pessoas, além de aferir a temperatura. O prefeito de Santa Bárbara d´Oeste, Rafael Piovezan, participou da reunião remota. 

Fonte: Diário de Santa Bárbara.

%d blogueiros gostam disto: