15 de abril de 2024 22:41
Jogando fora de casa, o Primavera SAF conquistou um ponto na noite desta terça-feira, ao empatar por 0 a 0 com o Comercial, no Estádio Dr. Francisco de Palma Travasso, em Ribeirão Preto.

Fantasma arranca um ponto fora de casa na abertura da 7ª rodada do Paulista A2

Jogando fora de casa, o Primavera SAF conquistou um ponto na noite desta terça-feira, ao empatar por 0 a 0 com o Comercial, no Estádio Dr. Francisco de Palma Travasso, em Ribeirão Preto. A partida abriu a 7ª rodada do Campeonato Paulista da A2. Com o resultado, o Fantasma soma agora 5 pontos e volta a campo no sábado de Carnaval, O time de Indaiatuba vai a Lins para enfrentar o Linense, no Estádio Municipal Gilberto Siqueira Lopes, às 18h30. Os torcedores do Fantasma podem acompanhar a partida ao vivo pelo canal da Federação Paulista de Futebol no YouTube.

Apesar do jogo sem gols, o Primavera SAF dominou o jogo, pressionado o adversário e criando as principais oportunidades. O técnico Roger Silva surpreendeu com três mudanças em relação ao jogo de estreia, no último final de semana. No meio campo, Davi entrou no lugar de Vinícius Kiss. No ataque, Dener ganhou a vaga de Luís Fernando e Josiel no lugar do artilheiro do time na temporada Patrick Fabiano.

O Comercial iniciou pressionando no meio de campo, mas a estratégia do técnico do Fantasma, de fazer uma marcação forte e sair em contra-ataques rápidos surgiu efeito, com o time rondando mais o gol do time da casa. Foram quatro jogadas com chutes a gol, contra nenhuma do Comercial no primeiro tempo.

A primeira chegada do Fantasma foi aos 7’, com Josiel. O atacante dominou na entrada da área e chutou fraco, para defesa do goleiro Leonardo, do Comercial. Aos 26’, o lateral esquerdo Tiaguinho lançou Josiel pela esquerda, livre de marcação. Ele avançou, entrou na área e bateu por cima do gol.

O time de Indaiatuba voltou a assustar aos 40’. O meia Renatinho dominou a bola na entrada da área e chutou para a defesa de Reginaldo. Três minutos depois, foi a vez de Josie chutar forte, de fora da área, com a bola explodindo no peito do goleiro.

O Primavera SAF voltou com a mesma formação para a etapa final. O Comercial chegou com perigo logo aos 45 segundos. Em chute forte, Gledson espalmou, evitando o gol. Logo em seguida o técnico Roger tirou Dener para a entrada de Luis Fernando. O Fantasma respondeu três minutos depois. Tiaguinho, livre, chutou para defesa de Reginaldo. Gledson, que no primeiro tempo foi um mero expectador, voltou a trabalhar duas vezes em menos de um minuto, aos 3’ e 4’ minutos.

Após os dois lances, o Fantasma retomou o controle do jogo e a pressionar. Em jogadas de contra-ataque, teve duas boas oportunidades na reta final. Aos 35’, Luís Fernando dominou pelo lado esquerdo, na entrada da área, se livrou da marcação, e chutou forte, no ângulo, exigindo grande defesa de Leonardo, que mandou a bola para escanteio. Na cobrança, o goleiro falhou e largou a bola nos pés de Patrick Fabiano, que tocou fraco, para defesa do goleiro. Aos 39’, nova chance para o Fantasma em bola parada. Renatinho cobrou falta, para defesa do goleiro do time da casa.

Nos minutos finais, mesmo fora de casa, foi o Primavera SAF quem continuou a pressionar, mas parou na zaga adversária, que conseguiu segurar as investidas e manter o empate sem gols

Fonte: Marcelo Oliveira.

About Author

Queremos ouvir você, deixe seu comentário, será um prazer respondê-lo.

Descubra mais sobre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading