23 de abril de 2024 05:55
Com discurso forte e contundente na Av. Paulista, Silas Malafaia aborda temas políticos e sociais, fala da conjuntura atual de perseguições políticas no Brasil e dá recado ao Regime PT-STF.

Com discurso forte e contundente na Av. Paulista, Silas Malafaia aborda temas políticos e sociais, fala da conjuntura atual de perseguições políticas no Brasil e dá recado ao Regime PT-STF.

Durante fala de abertura no ato, o pastor Silas Malafaia direcionou críticas ao governo Lula, acusando-o de desonrar a nação brasileira com suas ações e de receber elogios de figuras ligadas ao terrorismo internacional. Além disso, abordou o embate entre o presidente Jair Bolsonaro e o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.

Ao longo de sua fala, o líder religioso fez uma análise minuciosa de eventos recentes, como a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e as falsas alegações de um suposto “golpe” nos últimos dias de mandato de Bolsonaro. Malafaia expressou preocupação com a solidez do estado democrático de direito no país, ressaltando a perseguição e prisão de parlamentares e cidadãos ao expressarem suas opiniões.

“Bolsonaro partiu para os Estados Unidos sem atacar ninguém, sem denegrir ninguém. Porém, chegamos ao fatídico dia 8 de janeiro com algo que discordamos. Brasília foi palco de tumultos. A narrativa de um golpe começou”, afirmou.

“Mas tenho algumas indagações: por que Lula deixou precipitadamente Brasília e seguiu para Araraquara, considerando que a enchente em Araraquara ocorreu em 28 de dezembro, dez dias antes? Ele estava ciente de possíveis distúrbios? Outra questão: onde estão os vídeos das câmeras do governo, sob posse de Alexandre de Moraes? O povo necessita saber quem está por trás daquela confusão, daquela desordem”, prosseguiu.

No que concerne ao papel do STF, Malafaia criticou a atuação de ministros, levantando questionamentos sobre a imparcialidade e a legalidade de suas decisões. Ele também mencionou casos específicos relacionados a manifestações e ocupações de prédios públicos, apontando discrepâncias no tratamento dispensado a diferentes grupos pela justiça.

O líder religioso concluiu sua intervenção com uma oração, rogando pela proteção divina ao Brasil e manifestando sua confiança na justiça e na soberania de Deus. Malafaia reiterou seu apoio a Bolsonaro, a quem chamou de “o maior perseguido político da nossa história”, e expressou sua determinação em defender os ideais de liberdade e democracia.

Diante de uma multidão de pessoas na Av. Paulista, o discurso do Pastor Silas Malafaia ressoou entre os presentes, refletindo uma visão crítica sobre a situação política brasileira e uma mensagem de esperança e de confiança em tempos desafiadores.

Fonte: Revista Exílio – Terça Livre

About Author

Queremos ouvir você, deixe seu comentário, será um prazer respondê-lo.

Descubra mais sobre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading