16 de junho de 2024 03:30
Se você é trabalhador com carteira assinada, há uma boa chance de receber um pagamento extra de até R$1.412 em 2024.

Se você é trabalhador com carteira assinada, há uma boa chance de receber um pagamento extra de até R$1.412 em 2024. O abono salarial do PIS/PASEP já está sendo distribuído para funcionários de instituições privadas e servidores públicos, mas muitos ainda não sabem que têm direito a esse dinheiro.

O PIS/PASEP são programas governamentais que oferecem benefícios para trabalhadores registrados e são financiados por contribuições de empresas privadas e públicas. Para ser elegível ao abono salarial, é preciso estar cadastrado no programa há pelo menos cinco anos, ter trabalhado pelo menos 30 dias em 2022 e ter recebido até R$2.848 de remuneração média por mês. O valor do abono pode variar entre R$118 e R$1.412, dependendo do tempo trabalhado em 2022.

Para saber se você tem direito ao pagamento extra, basta fazer uma consulta rápida pelo celular. Os valores estão disponíveis para verificação através das seguintes plataformas do Governo Federal: Carteira de Trabalho Digital, Aplicativo FGTS, Caixa Trabalhador e Meu INSS.

O Governo Federal divulgou um calendário unificado para os pagamentos de 2024. Os pagamentos são realizados de acordo com o mês de nascimento do trabalhador, conforme detalhado abaixo:

  • Nascidos em março e abril: a partir de 15 de abril de 2024
  • Nascidos em maio e junho: a partir de 15 de maio de 2024
  • Nascidos em julho e agosto: a partir de 17 de junho de 2024
  • Nascidos em setembro e outubro: a partir de 15 de julho de 2024
  • Nascidos em novembro e dezembro: a partir de 15 de agosto de 2024

O abono salarial ficará disponível para retirada até 27 de dezembro de 2024. Funcionários de empresas privadas receberão o benefício pela Caixa Econômica Federal, enquanto servidores públicos devem procurar o Banco do Brasil.

Fonte: Pedro Freire.

About Author

Queremos ouvir você, deixe seu comentário, será um prazer respondê-lo.

Descubra mais sobre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading