16 de junho de 2024 02:40
Na tarde desta quarta-feira (22), o primeiro-ministro do Reino Unido, Rishi Sunak, anunciou a convocação de eleições antecipadas e a dissolução do Parlamento.

Na tarde desta quarta-feira (22), o primeiro-ministro do Reino Unido, Rishi Sunak, anunciou a convocação de eleições antecipadas e a dissolução do Parlamento. As novas eleições estão marcadas para 4 de julho, antecipando em um ano e meio o pleito originalmente previsto para janeiro de 2025.

Com esta decisão, o Reino Unido poderá ter seu 4º primeiro-ministro em apenas 1 ano, caso Sunak não consiga a reeleição. O premiê também não informou se vai se candidatar à reeleição.

O anúncio surpreendeu até mesmo os membros do Partido Conservador. Rishi Sunak, que assumiu o cargo no final de 2022 após a renúncia da ex-primeira-ministra Liz Truss, já havia indicado que planejava convocar eleições gerais em 2024. No entanto, a expectativa era de que isso ocorresse apenas no final do ano.

De acordo com a imprensa local, Sunak decidiu antecipar as eleições após a divulgação de novos dados econômicos favoráveis ao seu governo nesta semana. O jornal britânico “The Guardian” informou que membros do Partido Conservador convenceram Sunak de que esses números provavelmente não melhorariam até o final do ano, levando à decisão de realizar o pleito o quanto antes.

Porém, pesquisas de intenção de voto no Reino Unido indicam que Keir Starmer, líder do Partido Trabalhista, é o favorito para vencer as próximas eleições.

Se isso se confirmar, os trabalhistas retornarão ao poder após 14 anos de governo do Partido Conservador.

Fonte: Gazeta Brasil.

About Author

Queremos ouvir você, deixe seu comentário, será um prazer respondê-lo.

Descubra mais sobre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading