20 de abril de 2024 10:19
Prefeito Rafael Piovezan lança projeto “Tempo de Superação” e amplia o serviço de acolhimento institucional “Casa Abrigo Recanto Vida”

Prefeito Rafael Piovezan lança projeto “Tempo de Superação” e amplia o serviço de acolhimento institucional “Casa Abrigo Recanto Vida”

O prefeito de Santa Bárbara d’Oeste, Rafael Piovezan o projeto “Tempo de Superação” e ampliou o serviço do acolhimento institucional para mulheres vítimas de violência doméstica “Casa Abrigo Recanto Vida”, em investimento de R$ 800 mil em recursos próprios do Município. O ato realizado no Gabinete do Prefeito contou com a presença de autoridades municipais, representantes do Poder Judiciário, da Polícia Civil, Conselho Municipal de Proteção e Defesa da Mulher e do Serviço Social em Promoção à Cidadania Imaculada Conceição.

Implantado por meio de Lei Municipal, o “Tempo de Superação” dispõe de grupos terapêuticos e reflexivos para o acompanhamento de agressores que praticaram ou praticam violência doméstica e familiar, com atuação de psicólogos e assistentes sociais. O projeto é custeado pela Prefeitura e terá atividades ministradas pelo Serviço Social em Promoção à Cidadania Imaculada Conceição, em parceria com a Secretaria de Segurança, Trânsito e Defesa Civil (responsável pela cessão de sala para o desempenho do projeto) e do Poder Judiciário.

Além deste projeto, também em convênio com o Serviço Social em Promoção à Cidadania Imaculada Conceição, o Município custeia e disponibiliza às vítimas de violência doméstica e familiar o acolhimento institucional de vítimas. O serviço da “Casa Abrigo Recanto Vida” passa a ser ampliado, com atuação de equipe multidisciplinar, assegurando ainda apoio e extensão à Delegacia de Defesa da Mulher.

“A violência é multifatorial e isso demonstra a complexidade do tema, que deve ser alvo de estudos constantes. A política pública deve ser compreendida para que haja a sustentabilidade de todas as ações e isso ocorre em Santa Bárbara d’Oeste. Agradeço a todos os envolvidos por este trabalho em conjunto. Hoje damos mais um passo, complementar às ações realizadas anteriormente, e que servirão como alicerce de novas ações, entre elas a implantação do Centro de Referência em Saúde da Mulher, que cuidará das mulheres em todos os aspectos, com atenção multidisciplinar em diversas áreas”, comentou o prefeito Rafael Piovezan.

“Instituir políticas públicas como essa é fundamental dentro de todo este processo. Agradeço ao prefeito Rafael e espero que a ação seja um sucesso”, disse a juíza da Vara Criminal de Santa Bárbara d’Oeste, Dra. Camilla Marcela Ferrari Arcaro. “A violência doméstica se combate com a Lei, mas também com um sistema multidisciplinar e uma ampla rede de apoio”, complementou a delegada da Delegacia de Defesa da Mulher, Dra. Nathália Alves Cabral.

“Santa Bárbara d’Oeste dispõe de políticas fundamentais para o tema. O lançamento de hoje vai ao encontro das ações realizadas em nossa cidade”, afirmou a vereadora Kátia Ferrari. “Hoje reafirmamos um compromisso público com as mulheres”, acrescentou a vereadora Esther Moraes.

Participaram também do lançamento o vice-prefeito de Santa Bárbara d’Oeste, Felipe Sanches, a Chefe de Gabinete do Prefeito, Patrícia Marques, a secretária de Promoção Social, Maria Cristina Silva, o secretário de Segurança, Trânsito e Defesa Civil, Romulo Gobbi, o secretário de Governo, Joel Cardoso, os vereadores Bachin Junior, Careca do Esporte, Juca Bortolucci, Julio César – Kifu, Nilson Araújo e Tikinho – TK, a presidente do Conselho Municipal de Proteção e Defesa da Mulher, Reverenda Ione da Silva, o presidente do Serviço Social em Promoção à Cidadania Imaculada Conceição, Luís Gatto, a representante da entidade, Irmã Geni, além do ex-vereador Antonio Pereira (autor de Lei que cria o serviço de reeducação e responsabilização do autor de violência doméstica e familiar).

Fonte: Governo de Sta. Bárbara d´Oeste

About Author

Queremos ouvir você, deixe seu comentário, será um prazer respondê-lo.

Descubra mais sobre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading